segunda-feira, 9 de julho de 2012

Carlinhos - Um Jovem, Um Segredo. (Parte 6)


É quase 6:00 horas da tarde quando o ônibus para. Carlinhos vai descendo degrau, pós degrau até alcançar solo firme. espera o pequeno transito se tranqüilizar e atravessa a rua, seguindo em direção a sua casa. Ao entrar, cumprimenta seu avô que está sentado no sofá, assistindo seu programa da tarde favorito. 

- Porque você não se despediu de mim antes de ir à escola? pergunta o avô, levantando-se irritado.

- Vô, eu estava meio atrasado e como o senhor estava lá em baixo preferi partir, pois, poderia perder o ônibus. Respondeu, já esperando o pior.

- Eu já não disse que você tem que se despedir antes de sair para qualquer lugar? Bradou, seu avô, segurando-o firme pela camisa, empurrando para parede.

- Tudo bem vô, tudo bem! Disse já com a voz tremula e assustado.

Na verdade, aquilo não era a primeira vez que estava acontecendo, porém, o pavor de Carlinhos em descer ao porão, era o que mais lhe aterrorizava, fazendo-o preferir ter que sofrer certas ameaças. Aquela porta, aquela escada, enfim, o acesso aquele porão de sua casa, sempre lhe trouxe recordações assustadoras. Inclusive, um dos grandes motivos de Carlinhos perder o sono nas madrugadas, é justamente, o fato de acordar no meio da noite com pesadelos horríveis, sobre os traumas do passado, incluindo aquele "maldito porão"como ele costuma dizer.

Depois disso, seu avô pede água e o agasalho militar dele que se encontra no quintal da casa. Carlinhos, já com os olhos a lacrimejar, vai ao quintal, pega o agasalho, se dirige a cozinha, pega o copo com água e vai em direção a seu avô, entregando-o o agasalho e o copo com água. Em seguida, ele sobe para o quarto e rapidamente tranca a porta, sabendo que restam poucas horas...

você quer participar dessa história? Deixe sugestões no espaço de comentários, quem sabe, sua opinião estará inclusa na próxima semana.

Um comentário:

  1. Jessika Secretária Passo Fundo - #SOUDAFJB12 de julho de 2012 15:52

    ...... ta ficando boa esta história de Carlinhos, cada vez que eu leio eu tento montar as cenas e realmente a cada capitulo é uma surpresa.
    Bom, referente a cena de hoje como na primeira Parte: falava que "Aos 5 anos, viu seu pai assassinar friamente sua mãe com 3 tiros no peito", eu acho que a mãe de Carlinhos foi assassinada no porão pelo seu pai, por isso Carlinhos não desce no porão.
    Aguardando a próxima.
    Deus abençoe a todos.
    @FJBPassoFundo
    @FJBBLOCO23

    ResponderExcluir