sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Cuidado com o Doce!


"Não importa o tipo de doce para elas. Simplesmente sendo doce é o que basta."


Quantas vezes você em um momento de degustação de um doce bem saboroso, deixou cair um pouco no chão, e logo em seguida se aproximou uma ou mais formigas. não é verdade? Naquele momento você talvez ficou a se perguntar de onde elas vieram já que até então não existia uma só, à vista. Quantos que inclusive se vêem na obrigação de guardar a vasilha de açúcar na geladeira, senão no outro dia, a mesma estará repleta de formiguinhas sapeca. Não importa o tipo de doce para elas. Simplesmente sendo doce é o que basta.
Se olharmos com olhar espiritual a esse exemplo de situação, podemos comparar a vida de um cristão que, enquanto Ele permanece na Fé, ou seja, vigiando e orando como ensina a bíblia, jamais o mal terá acesso a sua vida, caso contrário, quando o mesmo deixa seu exercício da fé de lado e cai no comodismo espiritual, logo as reações da carne se manifestam como dúvida, medo, desânimo, enfim, um doce mais que suficiente para aproximação do pecado, e assim, a trágica escravidão. As Tentações ativam a carne que por sua vez manifesta sua vontade que é o doce que o mal precisa para se aproximar e assim tomar conta de toda sua vida até que a unica solução seja lançar fora. Assim como muitos doces que uma vez tomados por formiga, para mais nada serve, senão, jogar no lixo.

7 comentários:

  1. De joelho no chão,jejun e oração; ative o seu antivírus espiritual.Um abraço.

    ResponderExcluir
  2. Tá ligado,vigiar estreitando sempre nossa comunhão com Deus.
    obr.Nathalia(catedral)

    ResponderExcluir
  3. Ola amigo, sou obreiro da IURD em macapá-ap, gostei muito do seu blog, parabens, ja estou seguindo seu blog, gostaria que vc segui-se o meu: http://garagem-jovem.blogspot.com/

    Add meu msn para troca de banner ou contato pessoal: garagemjovem@hotmail.com

    Na fé!

    ResponderExcluir
  4. E TEM GENTE QUE PENSA QUE ISSO NÃO É POSSÍVEL...

    ResponderExcluir
  5. Que bacana esta comparação, pois realmente representa bem a nossa vida espiritual, por este motivo temos que manter este cuidado diário, para que jamais venhamos ser lançados fora!

    Cristine Pedroso
    Catedral/Poa

    ResponderExcluir
  6. Realmente, uma coisa leva à outra. Quando não estamos aos pés do Sehor Jesus passamos a olhar para as circunstâncias a nossa volta e deixamos de ver com os olhos da fé, e tudo que não provém de fé é pecado.

    Jéssica - Catedral de Porto Alegre

    ResponderExcluir
  7. Maria saraiva disse....

    Se analisarmos atentamente os passos de Jesus na bíblia, veremos que ele sempre orava, era de madrugada, em pensamento, etc. Ele nunca se apartava da presença de Seu Pai, Deus...
    Ele mesmo nos ensina que devemos orar para não cair em tentação. Então por mais difícil que seja vamos lutar contra estar forças malignas na oração, jejum e lendo a bíblia.

    ResponderExcluir