segunda-feira, 22 de novembro de 2010

VOCÊ QUER UMA CARONA?


"Quantas vezes você ao ser convidado a salvar alguém, preferiu ficar a cuidar de seus ”afazeres” usando os diversos argumentos tais como: Agora não dá, vai na frente que depois eu vou, deixa pra próxima e etc."




Você já deu uma carona a alguém? Se sim, qual sentimento após este ato? Talvez a resposta seja de satisfação, prazer em ajudar, compaixão ao necessitado, enfim, tudo no que diz respeito ao FAVOR. Imagine a consciência daquelas pessoas que antes de você, simplesmente ignorou aquele indivíduo. Quantos que, com tempo e disposição poderiam ter auxiliado aquele cidadão a chegar em seu destino o mais rápido, porém, pelo ”não tenho obrigação” fez "vista grossa" e foi. Sei que hoje em dia é muito difícil diante de tamanha violência em que vivemos, poder prestar esse favor a um desconhecido, e que, até segundo a orientação das autoridades é desaconselhável dar a devida carona por motivos de segurança. Na Verdade, o que quero falar é sobre outra carona, e a pessoa ideal para te fazer entender isso é o próprio Senhor Jesus que onde passava, atraia pessoas e os incluíam em seu percurso rumo ao plano da salvação. Ele não media esforços para estender a mão, receber e levá-las junto consigo, e que até em uma ocasião, fez questão de frisar que, aquele que viesse até Ele, jamais o lançaria fora(Jo 6:37). Jesus sabia da tamanha responsabilidade de guiar o máximo de pessoas possível ao plano da salvação, e quando não sobrou mais tempo, deixou a devida missão para seus discípulos como está escrito: “Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura”(Mc 16:15). Jesus fez sua parte. Pedro, João, Tiago, e os demais discípulos fizeram também a sua. Hoje, dois mil e poucos anos depois, estamos tendo a oportunidade de dar continuidade a essa missão iniciada pelo Senhor Jesus. Inúmeros cristão como verdadeiros discípulos de Cristo, deveriam estar fazendo o mesmo incessantemente, porém, talvez até em sua maioria, preferem optar em dirigir sozinho, seu "automóvel espiritual" por estar sempre “apressado” e jamais se disponibilizar em "parar" para alguém. Evangelizar, é mais do que ajudar o próximo. É literalmente dar uma carona rumo ao plano da salvação. Quantas vezes você mesmo ao passar por alguém e mesmo ao vê-lo em situação critica, optou em apenas seguir seu rumo? Quantas vezes você ao ser convidado a salvar alguém, preferiu ficar a cuidar de seus ”afazeres” usando os diversos argumentos tais como: Agora não dá, vai na frente que depois eu vou, deixa pra próxima e etc. O problema é que você se esquece que essa missão, veio daquele que lá em cima, fica só na observação vendo se realmente você está ou não obedecendo. Será que isso é tão difícil? Será que um pequeno tempo de dedicação ao próximo é capaz de atrasar toda sua vida? Eu sei que como na visão terrena, deve-se também estar atento as caronas que você dá. Manter uma segurança, é também fundamental para que você não caia em armadilhas, porém, missão dada é missão cumprida e, uma vez vigiando não tem como dar errado, e pra ser sincero, isso é mais uma desculpa de um simples ganancioso que prefere estar sozinho em sua “caranga” rumo ao...só Deus sabe onde. E só pra acrecentar, dirigir sozinho é um prato cheio para o sono que por sinal, é um dos grandes motivos para diversos acidentes fatais no trânsito. Bem que poderíamos comparar também não é verdade?

10 comentários:

  1. Eduardo Guedes - Diadema-São Paulo22 de novembro de 2010 06:08

    Que coisa né? Isso é pra deixar todos os que se dizem cristãos de barba de molho. muito boa sua colocação amigo.

    ResponderExcluir
  2. Ufa!!!
    Consegui chegar ao Blog!!

    Estou muito feliz Pr. por estar aqui e poder alimentar o meu espírito mesmo estando em local diferente!!

    Deus abençoe mais e mais!!!

    Nádia Silveira

    "Eia, não tá morto quem peleia!"

    ResponderExcluir
  3. Pow Pastor é isso aí mesmo!
    Dar desculpas é normal quando deveríamos ter mais sede pelas almas. É importante notar que todos nós um dia recebemos essa "carona' e sem ela talvez estivéssemos até hoje vagando na estrada.

    ResponderExcluir
  4. PATRICIA OLIVEIRA (FORTALEZA)22 de novembro de 2010 15:25

    QUEM ACEITA MINHA CARONA RUMO A VIDA ETERNA? PROCURE-NOS AOS SÁBADOS À TARDE EM NOSSA CATEDRAL NA RUA 24 DE MAIO, CENTRO DE FORTALEZA-CEARÁ.

    ResponderExcluir
  5. Eu peguei uma carona há anos atrás ,nos Braços do SENHOR jesus e ELE não me lançou fora rumo ao...só DEUS sabe onde?,e nele me refugio e o Amo sob todas as coisas e amo ao próximo porque ELE me amou gratuitamente, humana ,atropelada,quebrada com defeitos e tudo que faço por ELE é pouco diante de SEU GESTO para comigo.

    ResponderExcluir
  6. Bá muito forte realmente e o que
    te acontecido ao nosso meio
    Muitos não tem dado carona para
    as pessoas chegarem até a salvação...
    Deus tá voltando e esses abitos tem que
    serem mudados..
    Porque se não muita gente vai
    para outro rumo menos para a salvação.

    ResponderExcluir
  7. Elianara Andrade - Tribo de Issacar - Catedral26 de novembro de 2010 16:02

    Creio que muitas vezes quando damos algum tipo de desculpa é porque estamos sendo guiados pelo sentimento e não pela fé. Medo da pessoa dizer não , vergonha , etc... Mas quando se tem o verdadeiro Amor , o Amor de Deus dentro de nós , não há como nos calarmos. Falar da Salvação de Jesus é algo espontaneo. Sei que muitas vezes é frustrante convidar e receber um não como resposta, mas temos que insistir e persistir. Ob. Elianara - Tribo de Issacar - Catedral - POA - RS

    ResponderExcluir
  8. mano xis - restinga - brasil1 de dezembro de 2010 10:52

    Gostei. não entendi direito mas gostei.

    ResponderExcluir
  9. AGORA ENTENDO O PORQUE QUE O SENHOR TANTO FALA PRA GENTE TRAZER ALMAS NO DOMINGO.

    ResponderExcluir
  10. A cada momento Deus envia pessoas desejosas por essa carona, e no nosso carro da fé, a FORÇA JOVEM, a lotação é ilimitada e gratuita. Que Deus abenções abundantemente o sr. e seu ministério. Ob. Wilker - Sede Regional Manôa, Manaus - Am (obwilkerfjmanoa@hotmail.com)

    ResponderExcluir